Total de visualizações de página

domingo, 24 de agosto de 2014

Matizes promove a Feira Cultural da Diversidade: diálogos interculturais


Teresina será palco da Feira Cultural da Diversidade: espaço mix  para reunir  cinema, dança, música,  fotografia, shows performáticos, produtos artísticos afroculturais e empreendedorismo social.  A atividade é uma realização do grupo Matizes e  ocorrerá de 13 a 14 de setembro na Ponte Estaiada. A ação integra a programação da 10ª Semana do Orgulho de Ser.

Segundo Carmem Ribeiro, coordenadora do grupo, o objetivo do evento é propiciar um espaço para visiblizar e promover a comercialização e divulgação  dos produtos e ações  artísticos-culturais  das organizações  que protagonizam  lutas e intervenções para construir uma Teresina com pluralidade cultural, igualdade socioecômica e garantia de direitos fundamentais para tod@s.

“Essa feira representa  também   um  momento positivo  para não só dialogar com a sociedade sobre o valor educativo da convivência com a diversidade mas também permitir que  ativistas e movimentos sociais possam ampliar e  fortalecer laços de solidariedade.  Tudo isso utilizando uma linguagem lúdica potencializadora da expressão criativa e imaginativa do agir humano”, reflete a ativista do Matizes.

O cardápio cultural da feira contará com a participação do Movimento pela Paz na Periferia (MP3), grupo afrocultural Afoxá, Garagem Cultural, Associação das Bordadeiras do Parque Piauí, Associação de Proteção aos Animais (APIPA), trabalho artesanais das  detentas da Penitenciária Feminina, DCE/UFPI, Parada de Abril, etc.

O Matizes aproveita e convida a tod@s para participar  da 10ª Semana do Orgulho de Ser:  caldeirão educativo-cultural  com palestras, oficinas, debates refletindo sobre homocultura, mostra de filmes, capacitação de agentes públicos, lançamento de cartilha, manifestações artísticas, bate-papos etc. O evento ocorre de 10 a 17 de setembro em diversos espaços da cidade: UESPI, UFPI, Faculdade Santo Agostinho, UNINOVAFAPI, SEMTCAS, OAB, Memorial Zumbi dos Palmares.

Por Herbert Medeiros

Um comentário:

  1. Queria saber quando é a parada da diversidade?

    ResponderExcluir